Escritos Achados e Perdidos

satélites

o pó das estrelas confunde sua visão
de que o universo conspira a favor
da sua estrada de constelação.
em mil galáxias já se perdeu
antes de encontrar sua rota-salvação
nessa nau deixada no espaço,
flutuando sem nenhuma intenção,
em desprezo aos satélites
que apontam a outra direção:
o caminho de corpos celestes
brilham para chamar sua atenção.
cuidado, menino astronauta do espaço!
você acabou de chegar ao lançamento
do mais novo cometa que vai cruzar
o seu céu por noites adentro,
mesmo que você não queira olhar.
nesse universo infinito de amor,
sempre pronto a acolher seus feridos,
o cometa aponta humilde
aquela luz que criou tudo, menino.
não se engane, você não pilota satélites,
nem estrelas, menino astronauta do tempo.
a luz que reflete sua nave,
menino, só ilumina o que tem dentro.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin

Minha bandeira exposta

Quando ouvi que não chegaria onde cheguei por ser “como pareço”, refleti e constatei: cheguei por ser quem sou.

Manifesto de todo dia

Sempre ouvi dizer que devemos viver Todo dia como se fosse o último.Então, se é pra ser o último, que seja sábado. Sábado é o

Sextou

O brasileiro é apressado. Já reparou? Nem terminaram de servir o banquete. Calma, gente. É cedo demais para escolher um lado. Seja frio, fique tranquilo.