Escritos Achados e Perdidos

Noite e dia

Na verdade
O problema é você
Você fala coisas que
Eu gostaria de ter escrito
Rouba a cena de qualquer poeminha meu
Eu sei que você sente
Você sente as coisas como eu
E a gente sofre
Você aí e eu aqui
Você soltando flores pela boca
E eu arrancando pedras da caneta
Desculpe
Gostaria de ser sua
Aquela que se alimenta de suas palavras
Aquela que ouve o seu olhar
Aquela que beija sua boca
Entreaberta para me ver
Aquela que sente inveja de você
Aquela que deita a cabeça no seu colo
E canta
E pede para não me deixar
Aquela que o consola
Laissez faire, laissez passez
Aquela, mon amis,
Que diz boa noite
Esperando acordar com seus
Poemas e canções
Bon jour, mon amour
E nos beijamos outra vez

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin

Minha bandeira exposta

Quando ouvi que não chegaria onde cheguei por ser “como pareço”, refleti e constatei: cheguei por ser quem sou.

Manifesto de todo dia

Sempre ouvi dizer que devemos viver Todo dia como se fosse o último.Então, se é pra ser o último, que seja sábado. Sábado é o

Sextou

O brasileiro é apressado. Já reparou? Nem terminaram de servir o banquete. Calma, gente. É cedo demais para escolher um lado. Seja frio, fique tranquilo.