Escritos Achados e Perdidos

a crônica dor da saudade

quem há de transformar o amor
em saudade?

quem é o vilão que faz a saudade
virar dor?

a dor que estanca a coragem
do amor.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin

Minha bandeira exposta

Quando ouvi que não chegaria onde cheguei por ser “como pareço”, refleti e constatei: cheguei por ser quem sou.

Manifesto de todo dia

Sempre ouvi dizer que devemos viver Todo dia como se fosse o último.Então, se é pra ser o último, que seja sábado. Sábado é o

Sextou

O brasileiro é apressado. Já reparou? Nem terminaram de servir o banquete. Calma, gente. É cedo demais para escolher um lado. Seja frio, fique tranquilo.