Tão nós

Não posso escrever de mim
Sem cuidado, de repente
Porque o eu já é plural
Quando penso em nós.
E é singular falar de você
Sendo você a primeira pessoa
Tão singular em meu amar
Que também não é só meu
Ou exclusivo seu.
Somos tão nós – plural singular em palavras –
Que às vezes me perco em nossas pernas,
Às vezes o perco em meus seios,
Às vezes nos perco de vista.
E não há outra vida que eu queira ter
Se não esta de amar você.
Você, um eu tão nós.

3 Comments

  1. Lindo!!! Adoreiii …. me senti tão só agora com uma vontade de ter alguém assim … tão meu, “tão nós” Ameiiiiiii

  2. Oi Lívia! Um texto no plural, com certeza. Mas escrito com o seu talento que é singular. Sem dúvida, também. Muito bom! Abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *