prefácio

faz tempo que não escrevo aquelas coisas malucas
que só você entendia, daquela vida passada
em cigarros acesos, em ruas escuras
quando nada mais importava

hoje eu vejo que tudo o que vivemos
foi um prefácio do que não esperávamos
a introdução do amor
(a tradução do amor)

tudo que veio antes de hoje
não é um passado que se esconde em gavetas
não são letras que se molha
com as lágrimas de ontem

se olhamos pra trás é porque chegamos lá
naquele lugar que nem sabíamos
que queríamos estar
em novas fotos com a mesma cara

de quem não dormiu a noite toda
e hoje sei que não te escrevo
porque aproveitei pra dividir
momentos de uma vida com você

7 Comments

  1. Humm será que esta não pode se transformar num “song” tb?????

    Congratulationssssss!

    P.S. bom, eu não sou nenhuma expert em escrever, em analisar o que os outros escrevem, viu! Mas eu leio e se gosto eu falo e elogio!

    Beijos e boa sorte!

    • Puxa, Sabrina, é uma honra ter seus comentários em meu blog! Mais ainda por gostar de coisas que escrevo! 😀

      Tomara que role um som com esse também, rsrs… Mas nem me peça pra contextualizar o que escrevi… esse veio não sei de onde rsrsr…

      Grande beijo e obrigada sempre!

    • Para Cristian e Lívia:

      Parabéns pelo trabalho que se inicia e que esta parceria seja sólida e permanente.
      Obrigada por responder!

      Boa Sorte a vocês!
      Sabrina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *